Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Mais Notícias > Ifap terá o primeiro curso de medicina veterinária no Amapá
Início do conteúdo da página

Ifap terá o primeiro curso de medicina veterinária no Amapá

Publicado: Terça, 18 de Dezembro de 2018, 11h52
Expansão: reitora fala no lançamento do novo curso do Ifap (Foto: Breno Menezes - Deice/Ifap)
 
O Instituto Federal do Amapá (Ifap) abrirá, em 2020, no campus Porto Grande o primeiro curso superior Bacharelado em Medicina Veterinária do estado do Amapá. As 40 vagas do curso serão disponibilizadas no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do Ministério da Educação (MEC) para os candidatos que realizarem o Exame Nacional de Avaliação do Ensino Médio (Enem) de 2019.
 
Nesta quarta-feira (12/12), a reitora do Ifap, Marialva Almeida, recebeu parlamentares e a Imprensa no campus Porto Grande e anunciou que o estudo de viabilidade do novo curso superior do Ifap já foi concluído pela Pró-Reitoria de Ensino do Ifap e a etapa seguinte será o processo de autorização junto ao Ministério da Educação. Participaram o deputado estadual Antônio Furlan, o senador eleito Lucas Barreto, o prefeito de Ferreira Gomes, Divino Rocha, os vereadores Cristian Rocha e Radson Almeida, também de Ferreira Gomes, o secretário estadual de Ciência e Tecnologia, Perseu Aparício, e a chefe de Gabinete da Prefeitura de Porto Grande, Flávia Laurete, que representou o prefeito José Maria Bessa.
 
A criação do curso atende as necessidades de formação de profissionais na área de criação de animais, visando ao desenvolvimento econômico do estado do Amapá, bem como proporcionar o ingresso da população local no ensino superior, evitar a migração, principalmente dos jovens, para centros urbanos de qualificação profissional, fixar os graduados em seus municípios de origem, sendo também uma oportunidade de fortalecer a interiorização da formação superior.
 
O campus Porto Grande funciona em instalações próprias localizadas no bairro Zona Rural, na rodovia BR-210, km 103, logo após a entrada no município. Oferta cursos técnicos em Agropecuária, Agronegócio, Agroecologia e Agronegócio Proeja, além de Segurança no Trabalho na modalidade EaD, bem como o primeiro curso superior de Engenharia Agronômica, que começou a funcionar este ano, com oferta de 40 vagas. Entre ensino técnico e superior, o campus tem cerca 800 estudantes matriculados.
 
Com uma área total de 339 hectares, o campus Porto Grande tem seis blocos com 12 salas de aula, laboratórios, auditório, biblioteca, refeitório, área de convivência, quadra poliesportiva coberta e laboratórios a serem ocupados de acordo com as especificidades regionais, como, por exemplo, locais para criação de animais. A fazenda experimental dispõe de canteiros para plantio de hortaliças, cultivo de beterraba, rúcula, macaxeira e área com três espécies de plantas para adubação verde, dando aos estudantes oportunidade de aprender a preparar o solo, plantar sementes e mudas, conhecer espécies vegetais e fazer os tratos culturais.
 
Nesse ano foram construídos no campus os setores de Ovinocultura, Avicultura, Suinocultura, Viveiro de Mudas, Horticultura, Bubalinocultura e Bovinocultura, além do galpão de máquinas, estufas e casa de vegetação.
 
Cenário – O curso de Medicina Veterinária terá a pecuária como um dos segmentos econômicos beneficiados com a formação e a qualificação de profissionais. Com o segundo maior rebanho bubalino do país, o Amapá desponta como um promissor produtor nacional e, futuramente, exportador. Com cerca de 340 mil cabeças de gado (dados do Governo do Estado do Amapá), entre bovinos e bubalinos, porém, o estado do Amapá ainda não apresenta autossuficiência para entrar no mercado nacional.
 
 
Foto: Breno Menezes (Deice/Ifap)
 
Por Suely Leitão, jornalista da Reitoria
 
 Departamento de Informação, Comunicação e Eventos - Deice
Instituto Federal do Amapá (Ifap)
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Twitter: @ifap_oficial
Facebook:/institutofederaldoamapa
registrado em:
Fim do conteúdo da página